Assine Já
sexta, 26 de fevereiro de 2021
Região dos Lagos
27ºmax
21ºmin
Tropical
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 26253 Óbitos: 906
Confirmados Óbitos
Araruama 6711 182
Armação dos Búzios 3187 32
Arraial do Cabo 844 37
Cabo Frio 7166 347
Iguaba Grande 2484 54
São Pedro da Aldeia 3486 126
Saquarema 2375 128
Últimas notícias sobre a COVID-19
Geral

Agentes municipais interrompem aumento de construção no Parque do Mico-Leão-Dourado

Imóvel, que já é alvo de processo, estava recebendo inclusão de novos cômodos

14 outubro 2019 - 14h35
Agentes municipais interrompem aumento de construção no Parque do Mico-Leão-Dourado

Agentes da Secretaria de Meio Ambiente e da Coordenadoria de Assuntos Fundiários retiraram, na tarde desta sexta-feira (11), um cômodo que estava sendo construído junto a um imóvel, dentro da área do Parque Natural Municipal do Mico-Leão-Dourado, no Distrito de Tamoios.  A Polícia Militar deu apoio à ação.

A área invadida já é alvo de processo do Ministério Público Estadual, que solicita a restituição da área ambiental mediante ação.  Durante ronda de rotina, os agentes perceberam que o imóvel estava sendo aumentado, e foi planejada a operação desta sexta-feira para impedir a obra.

“O Parque do Mico-Leão-Dourado, apesar de ser municipal, é uma área regida por Lei Federal.  Para invadir e construir, houve supressão de vegetação e grandes danos ao ecossistema, logo, são vários crimes cometidos ao mesmo tempo”, explicou o secretário de Meio Ambiente, Mario Flavio Moreira.

“Essas pessoas têm que entender que foram enganadas se compraram a área de terceiros, ou estão cometendo crime ao construir em área de preservação. A indicação do Ministério Público é para que a área seja restituída ao meio ambiente.  Hoje, retiramos apenas o anexo, que ainda não estava habitado, mas quando houver a decisão da Justiça, a área será toda restituída com a retirada dos imóveis.”, afirmou o coordenador de Assuntos Fundiários, Ricardo Sampaio.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.