Assine Já
sexta, 29 de maio de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
15ºmin
TEMPO REAL Suspeitos: 1012 Confirmados: 1003 Óbitos: 89
Suspeitos: 1012 Confirmados: 1003 Óbitos: 89
Suspeitos:
Confirmados:
Óbitos:
Suspeitos Confirmados Óbitos
Araruama 48 268 26
Armação dos Búzios 415 65 1
Arraial do Cabo 6 35 5
Cabo Frio 497 279 21
Iguaba Grande 17 83 12
São Pedro da Aldeia 16 103 8
Saquarema 13 170 16
Últimas notícias sobre a COVID-19
Esportes

Marca de acessórios esportivos de Cabo Frio aumenta estoque de cordas para treinamentos em casa

NVR Stop também promoveu doação de 500 máscaras para servidores públicos

28 abril 2020 - 10h04Por Redação

Diante da quarentena imposta como medida de pervenção ao coronavírus, o mercado de academia e fitness foi um dos mais afetados. No entanto, muitos profissionais têm se reinventado neste período de crise, dando apoio e consultorias para alunos que buscam se exercitar em casa. Seguindo esse ritmo, uma marca cabofriense de acessórios esportivos partiu para o "combate". A NVR Stop aumentou o estoque de cordas (speed rope) para venda online e, paralelamente, deu sua contrapartida social ao promover a doação de 500 máscaras ao poder público.

– Estamos com uma grande procura das cordas, porque as pessoas estão treinando em casa. Por isso, mesmo com parte das vendas paradas, aumentamos nosso estoque desse produto – explica o empresário Davi Souza, sócio no negócio ao lado de Thiago Cardoso e Júlia Cardoso.

A ação social da NVR Stop, que atua no ramo do Crossfit, aconteceu em parceria com a Summer Uniformes. No dia 22 de abril, representantes das empresas fizeram entrega de máscaras na Comsercaf, para ajudar na proteção dos funcionários públicos que atuam em serviços essenciais.

– Nenhuma ação social de empresa substitui a ação do poder público. O poder público tem que estar presente e ser protagonista. Defendo que toda a população tenha direito a uma máscara de pano, que seja custeada pelo poder público. Estamos nos articulando para fazer uma carta ao município para cobrar essa ação. Isso ainda fomenta o emprego e renda, pois a maioria das costureiras é profissional liberal e trabalha de casa – explicou Davi Souza.

A marca comercializa produtos (camisa, joelheira, munhequeira, grip (protetor de mão), palmilha, cinto, colete e corda) através do Instagram @nvr.stop e pelo Whatsapp.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa. Ligue já ou envie mensagem pelo WhatsApp: (22) 99933-2196.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.