Assine Já
domingo, 20 de setembro de 2020
Região dos Lagos
22ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 7728 Óbitos: 407
Confirmados Óbitos
Araruama 1514 100
Armação dos Búzios 468 10
Arraial do Cabo 215 13
Cabo Frio 2528 136
Iguaba Grande 640 34
São Pedro da Aldeia 1213 50
Saquarema 1150 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
Léo Higuita

Léo Higuita é eleito melhor goleiro de futsal do mundo pela segunda vez

Cabofriense que atua no Cazaquistão foi escolhido em votação de site especializado

05 maio 2017 - 10h28Por Gabriel Tinoco I Foto: Divulgação
Léo Higuita é eleito melhor goleiro de futsal do mundo pela segunda vez

O jovem cabeludo, que outrora atendia pelo apelido do folclórico goleiro colombiano, já dava mostras do seu potencial nos tempos de Cabo Frio Futsal. Os milagres no bicampeonato Carioca renderam a projeção para rodar por grandes clubes brasileiros e a transferência ao Cazaquistão. No último fim de semana, o goleiro do Kairat (CAZ) se tornou o melhor da posição pela segunda vez em eleição do site Futsal Planet. Em entrevista à Folha, Higuita destaca a importância do jogo com os pés na premiação, presta uma singela homenagem a Cabo Frio e revela a admiração pelo titular da Seleção Brasileira, Thiago.

Folha dos Lagos – O que considera fundamental para a eleição?
Leonardo Higuita –
Primeiramente, considero os resultados. Os resultados ajudam no seu destaque individual. O meu jogo de cinco para quatro (goleiro-linha) com certeza vem sendo bem feito nos últimos anos. Sei que muitos goleiros são tops embaixo da baliza. Mas consigo jogar com os pés e isso diferencia meu jogo dos demais goleiros.

Folha – Qual é o segredo para se manter em alto nível por tanto tempo?
Higuita –
Não tem muito segredo. É mais vontade. A pessoa tem que querer ir ao treino feliz. Lógico, em alguns dias não estará muito bem. Isso é normal. Mas o jogador tem que estar sempre procurando levar aquelas duas horas de treino bem a sério. Tem que se dedicar bem, treinar para caramba. Sempre que você olha para trás, vê uma porção querendo seu lugar. Outro fator importante é estar num time de ponta. Se manter num time destes, com jogadores tops, ajuda a você se destacar.

Folha – O que Cabo Frio representa para você?
Higuita –
Cabo Frio representa o começo da minha vida profissional. Foi onde estourei como profissional. Ganhei dois cariocas. Consegui um destaque nacional. Depois tive muitos convites e calhei de ir ao Cazaquistão. Então, Cabo Frio me deu um empurrão no cenário nacional. Tenho a agradecer pelo time da época em que atuei. Era bem forte. Não era só eu. Era o time inteiro e consegui fazer meu trabalho e mostrar bem o meu serviço. Agradeço muito a Cabo Frio por ter dado essa oportunidade na minha vida.

Folha – Uma inspiração?
Higuita –
Uma inspiração como goleiro de futsal é o Thiago, que tem um estilo parecido com o meu. No caso, eu que tenho um estilo parecido com o dele (risos). Ele é um cara que sempre vi jogar e fui fã. Sempre está jogando em alto nível, em times bons e, principalmente, fazendo a diferença.