Advertisement
Assine Já
quarta, 05 de outubro de 2022
Região dos Lagos
26ºmax
19ºmin
Revolta do cachimbo
Revolta do Cachimbo
ARTILHEIRO

Goleada histórica do Palmeiras na Libertadores tem brilho de atacante cabo-friense

Rafael Navarro marcou quatro vezes na vitória por 8 a 1 do Alviverde sobre o Independiente Petrolero, da Bolívia

13 abril 2022 - 13h09Por Rodrigo Branco

O atacante Rafael Navarro escreveu o nome na história de mais de 60 anos de participações do Palmeiras na Taça Libertadores da América. O centroavante de 21 anos nascido em Cabo Frio liderou a maior goleada do Alviverde na competição em todos os tempos, ao marcar quatro vezes (todas no segundo tempo) na vitória por 8 a 1, sobre o Independiente Petrolero, da Bolívia, na noite desta terça-feira (12), no Allianz Parque, pela fase de grupos. Até então, o placar mais elástico a favor do clube paulista havia sido 7 a 0 contra o El Nacional, do Equador, na edição de 1995.

Com o feito, Navarro assumiu a artilharia isolada do torneio sul-americano com seis gols, uma vez que já havia marcado duas vezes na primeira rodada, contra o Deportivo Táchira, na vitória palmeirense por 4 a 0. De quebra, Navarro se tornou o primeiro jogador a marcar quatro gols pelo clube em uma partida pela competição continental e também no Allianz Parque, inaugurado em 2014, no lugar onde havia existia o antigo Parque Antarctica.

Depois de um início irregular, em que chegou a ser contestado pela torcida, o cabo-friense do Jardim Caiçara começa a encontrar o seu espaço no clube, que buscava um centroavante mais experiente para fechar o elenco, mas que seguirá na disputa com os jogadores que tem à disposição, incluindo, é claro, Navarro.

– Não me incomoda (a busca por outros atacantes), me motiva a trabalhar mais. Se estão pedindo o 9, eu trabalho – disse confiante, na entrevista coletiva após a partida.

Histórico – Rafael Navarro chegou ao Palmeiras no fim do ano passado, contratado junto ao Botafogo, onde se destacou na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Com origem no Jardim Caiçara, o jogador começou no futebol, ainda de forma amadora, no América, da Praia do Siqueira. O jogador passou pelas divisões de base do Fluminense e se profissionalizou pelo Atlético Goianiense, de onde saiu em 2018 para o Alvinegro. O atleta tem contrato com o Palmeiras até 2026. 

 

 

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.