Assine Já
domingo, 20 de junho de 2021
Região dos Lagos
25ºmax
16ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 43349 Óbitos: 1676
Confirmados Óbitos
Araruama 10701 336
Armação dos Búzios 5211 57
Arraial do Cabo 1501 83
Cabo Frio 11551 622
Iguaba Grande 4461 107
São Pedro da Aldeia 5895 260
Saquarema 4029 211
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabofriense

Cabofriense estreia na Seletiva do Carioca contra o Tigres 'sem direito de errar'

Técnico Junior Lopes ressalta importância de não perder pontos em competição curta

11 janeiro 2017 - 11h33Por Texto: Gabriel Tinoco | foto: Divulgação
Cabofriense estreia na Seletiva do Carioca contra o Tigres 'sem direito de errar'

A seletiva que definirá quem permanece na elite do futebol carioca é tiro curto: todos jogam contra todos em turno único – os times participantes são Cabofrienses, Tigres do Brasil, Portuguesa, Bonsucesso, Nova Iguaçu e Campos. A Cabofriense, portanto, precisará entrar em ritmo de temporada para não deixar a classificação escapar. O técnico Junior Lopes, 43, há duas décadas no futebol e filho do vitorioso técnico Antonio Lopes, demonstra satisfação com o trabalho, mas pede cautela aos seus jogadores na estreia, que acontece hoje, às 16h30, contra o Tigres do Brasil, no Estádio Los Larios, em Xerém, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

– Cada jogo é uma decisão. Estamos preocupados com todos adversários. Mas sei que o Tigres é um time muito bem trabalhado, veloz, compacto, com jogadores experientes e de qualidade. É um time que vem para brigar. No ano passado, disputou a primeira divisão. È um dos postulantes às duas primeiras vagas – opina Junior.

O treinador mantém a postura cautelosa para não perder pontos em um campeonato tão curto.

– A preparação tem que ter uma atenção especial por ser uma competição curta. Mas o que vale para nós vale para o adversário. Vamos trabalhar jogo a jogo tentando os três pontos. Claro que em uma estreia fora de casa requer cuidados maiores. Estamos dando atenção a peculiaridades como o calor. Cada gol também será muito importante, porque, por ser uma competição curta, o resultado pode ser decidido no saldo de gols – analisa.

O preparador físico Braulio Pinheiro promete que a equipe estará voando logo na estreia. Como uma derrota pode custar caro para a Cabofriense, Braulio quer todos os atletas com condições físicas na estreia.

– A importância é entrar 100%, porque não há tempo para se recuperar na competição. O time já tem que entrar com ritmo de jogo, pois cada ponto é importante. Isso pode resultar numa classificação.

O preparador técnico revelou que todos os quesitos foram treinados com intensidade na fase de preparação.

– A equipe teve fases de preparação. Uma inicial em Cabo Frio. Depois, fizemos uma pré-temporada em Vassouras de 16 dias. Nos preparamos nas partes física, técnica e tática – comenta.

Braulio aposta no desempenho progressivo para que os jogadores entrem com a melhor preparação para o campeonato.

– Foram feitos vários jogos onde a equipe progrediu a cada jogo. Porque a cada partida era disputada com uma equipe mais difícil. Os atletas jogavam mais tempo também. Foi feita de maneira progressiva – afirma.

O presidente Valdemir Mendes, por sua vez, demonstra confiança no elenco montado para esta temporada.

– A expectativa é grande para fazer um grande campeonato. No papel, o time está interessante. Já disputou alguns amistosos, mas treino é treino e jogo é jogo. Depois que a bola rolar, tudo vai se acalmando.