Assine Já
quarta, 26 de janeiro de 2022
Região dos Lagos
32ºmax
22ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 57760 Óbitos: 2243
Confirmados Óbitos
Araruama 12913 456
Armação dos Búzios 7361 73
Arraial do Cabo 2014 93
Cabo Frio 16940 938
Iguaba Grande 5610 148
São Pedro da Aldeia 8267 292
Saquarema 4655 243
Últimas notícias sobre a COVID-19
DO CAIÇARA PARA O MUNDIAL DE CLUBES

Atacante cabo-friense Rafael Navarro fecha ano de sucesso com transferência para o Palmeiras

Conheça a trajetória do artilheiro que assinou até 2026 com atual campeão da Taça Libertadores da América

24 dezembro 2021 - 16h46Por Rodrigo Branco

O ano de 2021 definitivamente mudou a vida do atacante Rafael Navarro. Cabo-friense nascido no Jardim Caiçara e que deu os primeiros chutes no campo do América, da Praia do Siqueira, Navarro agora vai desfilar sua técnica e oportunismo pelo Palmeiras, atual campeão da Taça Libertadores, que anunciou a sua contratação nesta quarta-feira, dia 22. Em fevereiro, o destino será os Emirados Árabes Unidos, onde o Alviverde disputará o Mundial de Clubes da Fifa e assim, quem sabe, o jovem de 21 anos conseguirá chegar ao topo do mundo, tão sonhado pela torcida palestrina.

A transferência para o clube paulista, com o qual assinou contrato até o fim de 2026, é o ponto alto de uma temporada de muita luta e trabalho pelo Botafogo, onde estava desde 2018 e com o qual foi campeão da Série B do Campeonato Brasileiro. Pelo clube da Estrela Solitária, foram 18 gols marcados [sendo 15 deles, na campanha vitoriosa na Série B] em 63 participações. Ao fim da temporada, chegou a se cogitar uma ida para o Minnesota United, da Liga Norte-Americana, mas Navarro e o estafe decidiram pela permanência no Brasil.

– Estou muito grato a Deus, à minha família e ao Palmeiras por abrir as portas para mim. A minha temporada de 2021 foi maravilhosa, foi um ano mágico e agradeço também ao Botafogo por ter acreditado no meu trabalho. Quando recebi a proposta, foi uma felicidade enorme, afinal é o maior campeão do Brasil. Estou muito feliz e espero corresponder à altura – disse o atacante, em sua apresentação ao time paulista.

A ‘cabeça no lugar’ é apontada como uma característica precoce pela família, que também revelou o atacante André, ex-Santos, Sport e Dínamo de Kiev, primo de Navarro. Aos 12 anos, depois de passar por escolinhas em Cabo Frio, o agora centroavante palmeirense começou a treinar nas divisões de base do Fluminense, em Xerém, para onde era levado três vezes por semana, para treinar e jogar. Naquela época, juntamente com Rafael Navarro, um grupo de garotos cabo-frienses também se deslocava para a Baixada Fluminense em busca do sonho de vencer nos gramados.

Com 13 anos, passou a morar próximo ao Centro de Treinamento do Tricolor e ficou no clube até os 17 anos, quando se transferiu para o Atlético Goianiense. No clube do Centro-Oeste, teve as primeiras oportunidades no profissional até que, em 2018, foi para o Alvinegro Carioca, onde mostrou suas qualidades como a presença de área e a finalização. De acordo com seu primo Marcelo Santos, o Marcelão, que também foi jogador profissional, os passos na carreira de Navarro estão sendo bem pensados.

– Ele é um garoto diferente dos outros, porque é muito trabalhador. Ele mora com o pai, é muito centrado nesse mundo do futebol. Desde os 12 anos, vive nisso aí, vai para Xerém. Hoje, jogar no Palmeiras é um sonho para todo jogador. Só de disputar o Mundial de Clubes já é uma grande coisa – pondera.

A opção por ficar na terra natal, além da chance de jogar num gigante do futebol nacional, hoje um dos clubes mais poderosos do país, possivelmente também tem outra motivação: entrar no radar para uma possível convocação para a Seleção Brasileira, se não para a Copa do Catar, em novembro do ano que vem, para a sequência do trabalho, uma vez que hoje há carência na posição de centroavante no futebol brasileiro. Enquanto isso não acontece, Cabo Frio terá a chance de ver mais um filho da terra amada brilhando nos gramados do Brasil e do exterior.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.