Assine Já
terça, 11 de agosto de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
15ºmin
Alerj
Alerj
TEMPO REAL Confirmados: 5034 Óbitos: 292
Confirmados Óbitos
Araruama 838 59
Armação dos Búzios 372 9
Arraial do Cabo 120 12
Cabo Frio 1673 97
Iguaba Grande 393 25
São Pedro da Aldeia 759 39
Saquarema 879 51
Últimas notícias sobre a COVID-19
MEMÓRIA

Semana Sebastião Lan começa nesta terça-feira (28) de forma on-line

Evento cultural vai durar de três dias e terá exibição de filmes

27 julho 2020 - 14h59Por Rodrigo Branco

Começa nesta terça-feira (28) a Semana Sebastião Lan. A programação será de forma virtual no perfil da Secretaria de Cultura de Cabo Frio (Secult) no Facebook, com um bate-papo às 19h. A presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Cabo Frio, Dona Elícia, vai receber a Comenda Teixeira e Souza e falará sobre as ações do sindicato. A programação segue logo depois pelo canal da Secult no Youtube, com a exibição do primeiro filme da trilogia Lan: “Lan 1989”.


A programação da Semana Sebastião Lan continua na quarta-feira (29), com o filme “Lan 1999”, que também será exibido também pelo Youtube às 20h. O encerramento do evento acontece na quinta-feira (30), a partir das 19h, com o terceiro filme da trilogia: “Memórias de Campos Novos 2020”. Após a película, será a vez de voltar ao Facebook da Secult para acompanhar uma aula de forró com o Projeto Forró na Praça e, logo depois, acompanhar a live do DJ Léo Preto, que tem em seu repertório o forró, ritmo ouvido e difundido nas áreas rurais.

Quem foi Sebastião Lan: Sebastião Lan nasceu em 1942, no Espírito Santo. Chegou a Cabo Frio em 1968 e instalou-se no bairro Campos Novos, local que passava por sérios conflitos entre grileiros e lavradores. Nessas terras, escreveu sua história de luta pela regularização fundiária. Organizou a reabertura do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, que havia sido fechado pelos militares.

Foi eleito presidente do sindicato e quatro meses depois de ter assumido, no dia 06 de junho de 1988, véspera de sua ida à Brasília, onde entregaria importante relatório ao Ministro da Reforma Agrária, Sebastião Lan sofreu um atentado na Rodovia Amaral Peixoto, levando seis tiros. Morreu cinco dias depois, aos 46 anos de idade.

Sebastião Lan é lembrado por toda a sua história de luta em defesa dos trabalhadores rurais. Ele contribuiu de forma exemplar para o desenvolvimento trabalhista e social da cidade de Cabo Frio, bem como pelos direitos dos trabalhadores rurais. Atualmente dá nome ao mercado que abriga a feira do bairro Jardim Caiçara.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.