Assine Já
quinta, 22 de outubro de 2020
Região dos Lagos
23ºmax
18ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 9339 Óbitos: 478
Confirmados Óbitos
Araruama 1907 110
Armação dos Búzios 574 10
Arraial do Cabo 283 15
Cabo Frio 3072 166
Iguaba Grande 819 38
São Pedro da Aldeia 1434 66
Saquarema 1250 73
Últimas notícias sobre a COVID-19
'COUVERT SOLIDÁRIO'

Santo Samba faz segunda live neste domingo (18) para levantar fundos para artistas em dificuldades

Cantor e músico Max Prates é a atração principal da roda de samba virtual, a partir das 14 horas

17 outubro 2020 - 21h42Por Rodrigo Branco

O que é bom repete. Após o sucesso da primeira edição virtual da história do Santo Samba, em agosto, o evento será bisado neste domingo (18), a partir das 14h, no seu canal do You Tube. Além do entretenimento, a tradicional roda de samba cumprirá mais uma vez a função de levantar recursos financeiros para técnicos e músicos em dificuldades, por conta da paralisação das atividades em meio à pandemia do novo coronavírus. O ‘Santo Samba em Casa’ tem o apoio da Folha dos Lagos.

Segundo a produtora Luciana Branco, o público poderá fazer doações a partir de R$ 10, a título de ‘Couvert Solidário’. Quem doar concorrerá a um relógio de pulso. A criadora do projeto, iniciado há oito anos, acredita em um engajamento ainda maior do público com a causa neste segundo evento. Na primeira live, mais de 600 pessoas participaram, incluindo internautas de outros estados e países.

Para reforçar o clima caseiro e de intimidade, a atração principal não poderia ser mais conhecida das rodas do Santo Samba. O músico, cantor e mestre de cerimônias Max Prates, que interpretará clássicos do gênero, acompanhado de um time de feras nas cordas, metais e percussão. Aliás, os músicos recrutados pela produtora participaram da escolha do repertório, que também teve músicas selecionadas pelo público nas redes sociais. Para Luciana, esta segunda live será a oportunidade de matar a saudade dos encontros que acontecem nas rodas, ainda que à distância. 

– O repertório foi escolhido através de enquete em nossas páginas, além das escolhas pessoais dos nossos músicos, Felisselsso, David Salgado, Nini e Kakadi. Tudo bem gostoso para aliviar esse momento tão difícil de distanciamento social, embora alguns setores já estejam voltando. Como produtora e idealizadora do Santo Samba, sei das responsabilidades e jamais arriscaria fazer um Santo Samba presencial – frisa.

Veterano do projeto, Max já se apresentou inúmeras vezes ao longo dos últimos anos, seja na banda de apoio ou como uma das atrações do evento. Pioneiro na versão digital do Santo Samba, onde se apresentou junto com a cantora Roberta Espinosa, Max usou o vozeirão, que passeia por sucessos de gente como Roberto Ribeiro e Martinho da Vila, também na função de apresentador e ‘entertainer’. Para esta edição, o artista está novamente entusiasmado.

– A expectativa é a melhor possível, principalmente porque se a gente ainda não tem a possibilidade de fazer os shows presenciais, que provavelmente seria uma forma de gerar uma receita muito maior para o projeto, pelo menos é uma forma de a gente colaborar com os técnicos e a classe artística que têm passado momentos muito difíceis nesta pandemia, pois o mercado se fechou – observa.

Serviço – Live do Santo Samba. Domingo (18), a partir das 14h, no canal do projeto no You Tube (https://www.youtube.com/channel/UCJuheIoBImAdQk4pjZFb48Q). Couvert Solidário, a partir de R$ 10, com direito a com correr a um relógio de pulso da marca Mondaine. na conta 10668754-5/ agência 0001 (Banco 260 - Nu Pagamentos S.A.). Confira abaixo o QR code:

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.