Assine Já
domingo, 26 de setembro de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
poder

Poder feminino na força da voz

Suelen Jabbour canta tributo a Amy Winehouse na Semana da Mulher

09 março 2017 - 09h33Por Filipe Rangel
Poder feminino na força da voz

 Embora Amy Winehou­se não habite o imaginário simbólico do feminismo como Frida Kahlo ou Si­mone de Beauvoir, é im­possível negar que a po­tência de uma vida como a dela, intensa e livre dos enquadramentos de uma sociedade patriarcal, não seja, também, um forte símbolo de luta. Some a isso uma mulher do in­terior do Rio de Janeiro – musicista, professora e surfista – que nada contra as possibilidades para fa­zer sua música na Região dos Lagos, mãe, solteira e bem resolvida, e pronto, tudo o que você precisa saber sobre a luta femini­na vem em forma de mú­sica, que você pode ouvir no tributo a Amy cantado por Suelen Jabbour, no sábado, a partir das 21h, no Espaço Santtos Closet Pub, em Cabo Frio.

Hoje aos 32, Suelen, moradora de Saquarema, cresceu nos meios tradi­cionais – escola, pretensão de faculdade de Turismo –, mas floresceu no artístico. Matriculou-se em escolas de música – dentre elas a Villa-Lobos –, onde apren­deu percussão, pandeiro e canto popular. Envere­dou-se por teatro, circo e acabou desaguando no Carnaval do Rio de Janeiro – primeiro tocando no blo­co Fina Batukada, depois no próprio, o Maracatu Re­lâmpago, criado pelo cole­tivo artístico de Niterói do qual fazia parte.

Quando engravidou, lar­gou tudo e retornou para a região. Depois que a rotina de assentou, voltou a can­tar – longe do alvoroço dos blocos, em bares aconche­gantes da cidade.

Em 2010, integrou-se à banda Barato Total – um tributo à Tropicália, que ro­dou o Rio de Janeiro fazen­do shows pequenos e mé­dios. No entanto, no ápice, quando abriu um show do inclassificável Tom Zé, a banda se esfacelou.

Sobrou para Suelen re­tornar mais uma vez à Sa­quarema, onde acontecia etapa do WQS, o campeo­nato mundial de surf. Por lá estava também o cantor Gabriel, o Pensador, que se apresentaria nas festivi­dades do torneio.

Foi aí que a música fez o chamado. Suelen também tocou no campeonato. Pen­sador, que estava jantando na hora, largou a mesa, apa­nhou o celular e passou a filmar o show da cantora lo­cal. Empolgado, convocou Suelen para dividir o palco com ele – juntos, cantaram “Get Up, Stand Up”.

Dos últimos acordes do reggae de Bob Marley até esta semana, dois anos se passaram. Mais experiente na música, Suelen carrega sua vivência para o palco para representar a potên­cia de Amy.

– Sou muito inten­sa e apaixonada, por isso me identifico com mui­tas das suas músicas. Ela sofreu muito de amor, né?! Eu também – ri a cantora.

Serviço. O Espaço Sant­tos fica em frente ao Horto Municipal, no Portinho. In­gresso na hora: R$ 15; com nome na lista: R$ 10.