Advertisement
Assine Já
quarta, 05 de outubro de 2022
Região dos Lagos
26ºmax
19ºmin
Revolta do cachimbo
Revolta do Cachimbo
É COISA NOSSA

Coletiva Gecay promove primeira edição da Semana Decolonial do Patrimônio de São Pedro da Aldeia

De 17 a 20 de agosto, programação terá palestras, oficinas, passeios guiados e apresentações culturais

11 agosto 2022 - 11h50Por Rodrigo Branco

A próxima quarta-feira (17) marca o Dia Nacional do Patrimônio e, para celebrar a data, a Coletiva Gecay vai promover a primeira edição da Semana Decolonial do Patrimônio de São Pedro da Aldeia. De 17 a 20 de agosto, a programação do evento contará com atividades gratuitas para a população como palestras, oficinas, passeios guiados e apresentações culturais. As atividades serão realizadas no Cine Estação, ao lado da Biblioteca Municipal; no Centro Histórico; na Praia das Salinas; em Sapiatiba Mirim; e na Praça Hermógenes Freire da Costa. O evento tem o apoio da Sophia Editora.

Formada há cerca de quatro meses, a Coletiva Gecay (@coletivagecay) tem por objetivo estudar e preservar as culturas e tradições locais. O grupo é composto pelas artistas aldeenses Mayara e Mayla Árvore; pela bióloga Elizabeth Franco; e pela historiadora Vanessa Dias. Mayara explica que o termo ‘decolonial’ usado para a Semana de Patrimônio de São Pedro da Aldeia é justamente para dar ênfase aos aspectos culturais e patrimoniais locais, diferente do que é feito normalmente.

– É decolonial porque a gente tem essa intenção de nos libertar dessa ênfase aos patrimônios coloniais. Aqui em São Pedro da Aldeia isso é muito forte. São extremamente romantizadas as questões dos jesuítas, da colonização. Então a nossa proposta é ‘desromantizar’ isso e exaltar as nossas culturas, memórias e patrimônios tradicionais e mostrar o quanto isso é importante. Vamos ter várias palestras falando dos povos originários daqui, sobre a pesca. Vamos ter um pescador falando sobre a pesca artesanal e a conexão com a nossa Lagoa de Araruama, que também é um patrimônio da gente – explica.

Para algumas atividades, é preciso fazer a inscrição prévia por WhatsApp, mas no caso das palestras basta comparecer ao local. Confira abaixo a programação completa do evento:

17 de agosto (quarta-feira)

9h – Café da Manhã Rural

Apresentação do evento com a participação da coletiva Gecay e Ivo Barreto, representante do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

14h – Oficina de confecções artísticas com fibra de bananeira, guiada pela instrutora Jaqueline Emília.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Inscrições: WhatsApp (12) 98291-1609 (Mayara Árvore)

18 de agosto (quinta-feira)

15 – Rolé histórico pelo Centro da cidade, guiado pela historiadora Vanessa Dias.

Local: Ponto de encontro em frente à Casa da Cultura – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Inscrições: WhatsApp (22) 99278-9093 (Vanessa Dias)

18h – Palestra “Relatos sobre um filho de pescador”, com Mário Márcio dos Santos Soares.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

18h30 – Palestra “Relatos sobre a pesca artesanal de São Pedro da Aldeia e a conexão com a Lagoa de Araruama”, com o pescador Ricardinho.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

19h20 – Palestra “O protagonismo dos indígenas no aldeamento de São Pedro de Cabo Frio (1617-1876)”, com Luiz Guilherme Scaldaferri.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

19 de agosto (sexta-feira)

9h – Passeio na Praia das Salinas, guiado pela bióloga e condutora ambiental Elizabeth Franco.

Inscrições: WhatsApp (22) 98109-7845 (Elizabeth Franco)

14h – Oficina de confecção de bonecas de pano Abayomi, guiada por Andreia Fernandes.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Inscrições: WhatsApp (12) 98291-1609 (Mayara Árvore)

18h – Palestra “Apropriação cultural e a tentativa de apagamento das questões raciais de manifestações de culturas negras”, com Márcia Fonseca.

18h50 – Palestra “Patrimônio ambiental aldeense”, com Elizabeth Franco.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

Local: Cine Estação – Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 255, Centro (ao lado da Biblioteca Municipal). 

Entrada livre.

20 de agosto (sábado)

9h – Passeio no entorno de Sapiatiba Mirim, com a bióloga e condutora ambiental Elizabeth Franco.
Inscrições: WhatsApp (22) 98109-7845 (Elizabeth Franco)

15h30 – Encerramento com grupo de estudos de Maracatu Ventarolas e outras intervenções artísticas.
Local: Praça Hermógenes Freire da Costa – Praia do Centro. 

Entrada livre.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.