Assine Já
sábado, 26 de setembro de 2020
Região dos Lagos
29ºmax
19ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 8076 Óbitos: 418
Confirmados Óbitos
Araruama 1625 102
Armação dos Búzios 483 10
Arraial do Cabo 242 15
Cabo Frio 2555 140
Iguaba Grande 671 36
São Pedro da Aldeia 1323 51
Saquarema 1177 64
Últimas notícias sobre a COVID-19
cinema

Cinema alternativo em alta em Cabo Frio

Filme dinamarquês 'A Caça' será exibido no auditório da Universidade Veiga de Almeida

24 agosto 2017 - 12h19
Cinema alternativo em alta em Cabo Frio

Os cinéfilos mais exigentes não têm do que se queixar... Pelo menos em Cabo Frio. Os que resmungam diariamente da falta de sessões da cena alternativa poderão suprir a carência através dos cineclubes da cidade:  o Universidade Veiga de Almeida, por exemplo, abre as portas para um clássico do cinema escandinavo: ‘A Caça’ (2012) será exibido no auditório da faculdade, na Praia do Siqueira, hoje, às 14h. 
O filme dinamarquês dirigido por Thomas Vintenberg será seguido por um debate sobre o ‘Impacto Sociocultural da Mentira’. Também haverá sorteio de brindes. O projeto é organizado pelo ‘ConheCinema’, um cineclube criado pelo curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e Jornalismo da Veiga para promover discussões sobre filmes e documentários. O curador do ConheCinema, Rodrigo Cintra, vê a obra dinamarquesa cada vez mais atual.
– O filme é interessante porque mostra o peso da propagação de notícias que podem ser falsas. É um tema muito atual porque vivemos em uma era que é muito fácil compartilhar informações nas redes sociais virtuais – afirma Cintra.
O filme é propício ao debate. O ponto central da trama consiste numa acusação falsa de pedofilia ao professor Lucas (brilhantemente interpretado por Mads Mikkelsen) pela filha de um amigo. 
Cine Cháritas – E as obras produzidas na cidade também não ficam de fora. Hoje, o Cine Charitas exibe ‘Um Caso Brasileiro’ no Charitas, no centro de Cabo Frio, às 19h. O documentário de autoria do cineasta Milton Alencar Júnior trata sobre a emancipação de Búzios. O evento tem entrada gratuita.
O filme narra o momento político de Cabo Frio na época da emancipação. A obra mostra como aconteceu o processo de emancipação do balneário, que era 3º distrito de Cabo Frio. O processo começou em 1991 e se concretizou em 1995. 
O Cinema no Charitas foi inaugurado no início de junho e tem por objetivo exibir gratuitamente filmes em formato de documentários com discussões ao término das sessões. Os temas para debate e os filmes são divulgados semanalmente pela Secretaria de Cultura.
Cine Scliar – Outra boa notícia é a volta do Cine Scliar. A reabertura será ao melhor estilo, com o filme autobiográfico ‘Elis’ (2015). Não há data marcada, mas a sessão acontecerá em novembro, com a entrada franca.