Assine Já
terça, 07 de dezembro de 2021
Região dos Lagos
25ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53752 Óbitos: 2196
Confirmados Óbitos
Araruama 12500 448
Armação dos Búzios 6589 73
Arraial do Cabo 1755 93
Cabo Frio 15618 902
Iguaba Grande 5581 147
São Pedro da Aldeia 7054 290
Saquarema 4655 243
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cultura

A estrela que vai (en)cantar o Fest Verão

Juliara Ghiner faz show em evento que abre comemorações dos 29 anos da Folha

08 fevereiro 2019 - 10h13
A estrela que vai (en)cantar o Fest Verão

Logo na chegada à redação da Folha para a entrevista, Juliara Ghiner armou-se do sorriso e da simpatia que ajudam a encantar multidões nos palcos por onde passa em Cabo Frio e na região. O carisma e, claro, o vozeirão da cantora de 22 anos serão atrativos no show que a jovem artista vai fazer no Fest Folha Verão , no próximo dia 16, às 16 horas, no Costa Azul. O evento abre as comemorações pelos 29 anos de fundação da Folha dos Lagos e também marca a estreia de Juliara em eventos do jornal. Ela vai fazer o show de abertura para a banda Ramona Rox.

– É uma honra muito grande, estou muito animada. A expectativa é grande para poder cantar para essa galera que passa informação para o nosso público o tempo todo. Espero que todos gostem e que eu faça todo mundo dançar, apesar de ser um show de voz e violão – disse.

Versátil, a cantora promete um repertório que vai mesclar clássicos da MPB e do pop rock dos anos 80 com hits do momento do sertanejo universitário e do arrocha. O vasto leque está longe de ser falta de identidade musical, e sim, a sensibilidade ao gosto popular, trabalhada em anos de apresentações na noite, em bares e eventos, nos pequenos e grandes palcos e até mesmo em trios elétricos.

– A gente quer estar num palco grande o ano todo, porém a gente também está sempre nos palcos menores que são os barezinhos. O barzinho te prepara para chegar lá no grande palco e a lidar com tudo aquilo que pode acontecer ou não. Tenho certeza que muitas coisas que já aconteceram no palco e eu tive jogo de cintura foi por alguma coisa igual ou parecida que já aconteceu. Sempre acontece alguma coisa inesperada – diverte-se ela, nascida e criada no Jardim Esperança.

O talento surgiu precoce, aos seis anos de idade, no coral da igreja e foi incentivado pelos pais, ambos sem qualquer ligação com música. O estímulo seguiu na escola até a gravação do primeiro CD e o início da carreira profissional, aos 15 anos, no Teatro Municipal Inah de Azevedo Mureb.

A trajetória foi impulsionada por muita gente, entre eles o comunicador Amaury Valério. O intenso trabalho solo ou em parceria com bandas como Forroxé e Timbalaiê culminou em uma festejada participação no reality The Voice Brasil, em 2016. A cantora não foi adiante na competição, mas a experiência é lembrada até hoje.

– Lá dentro conhece a gente conhece muitas pessoas, é muito significativo. Uma aula de meia hora, com o técnico de pessoas que estão na mídia. Não fiquei no programa, mas foi uma experiência inexplicável. Não sei nem dizer o quanto foi importante – disse.

A participação no Fest Verão é apenas o começo de uma agenda cheia de novidades para o restante do ano. No momento, Juliara trabalha no projeto de uma banda de baile, com outros três músicos. A cantora e musicista também planeja o lançamento de novas músicas em breve, com divulgação pela internet, nas ferramentas de ‘streaming’.

– Internet é uma coisa que mudou e muda nossas vidas todos os dias. A gente pretende colocar as músicas em todas as plataformas digitais o mais rápido possível. Semana que vem, já devo trabalhar em gravações. A gente vai trabalhar muito com a internet e contar bastante com a ajuda do público, como sempre, porque sem eles a gente não é nada – finaliza.

No que depender do crescente fã-clube, o público vai ajudar, Juliara.

Festa – Ainda há ingressos à venda, a R$ 80, na sede da Folha, na Rua Francisco  Mendes, 226, loja 6, no centro de Cabo Frio. Além dos shows de Juliara Ghiner e da Banda Ramona Rox, o passaporte da alegria dá direito a cerveja, comida de boteco e os drinques da Caip do Xandy liberados. Os 100 primeiros copos de cerveja artesanal também são liberados e, depois disso, a preço promocional (R$5). O evento tem apoio da Pousada Mariá, Restaurante do Zé, Intelsystem’s, Drogaria São Cristóvão, Patrícia Cardinot Imóveis e Chico Parafuso. A produção é de Vivag Comunicação e Eventos.