Assine Já
segunda, 17 de fevereiro de 2020
Região dos Lagos
30ºmax
23ºmin
Apartamento
Geral

Cabo Frio terá verba para sinalização turísitica com QR Codes

Recurso será destinado para projeto de confecção de painéis para informações turísticas

23 abril 2019 - 09h14
Cabo Frio terá verba para sinalização turísitica com QR Codes

TOMÁS BAGGIO

Um convênio firmado entre a Prefeitura e a Caixa Econômica Federal irá viabilizar um projeto de sinalização turística através de QR code em Cabo Frio. O código digital será colocado em painéis fixados em monumentos históricos e pontos turísticos. O público poderá acessar as informações com smartphones. Segundo o secretário de Turismo de Cabo Frio, Radamés Muniz, é possível que o projeto esteja pronto já nas férias de julho.

– Estamos na fase de elaboração dos custos do projeto. Estivemos em uma reunião na superintendência de Projetos da Caixa Econômica, em Niterói, para alinhar os detalhes. Serão entre 50 e 55 totens. Estamos tentando conseguir o melhor valor para a elaboração das placas para que seja possível aumentar a quantidade. Nossa equipe vai fazer uma avaliação bastante criteriosa para escolher os locais que irão receber as placas. Vamos escolher monumentos e pontos turísticos tanto no primeiro distrito como em Tamoios. Com isso os visitantes passarão a ter acesso às principais informações sobre cada ponto da cidade – explica Radamés.

O valor do contrato é de R$ 284.016,19, sendo que, deste montante, mais de R$ 270 mil serão destinados pelo Ministério do Turismo e o restante, pouco mais de R$ 13 mil, será dado como contrapartida pela própria Prefeitura. Os recursos são provenientes de uma emenda parlamentar do deputado federal Walney Rocha.

A verba será utilizada para trocar as atuais placas de sinalização turística, onde elas já existem, e incluir novos lugares.

A tecnologia QR code funciona como um código de barras que pode ser lido em smartphones. Ele vai direcionar o internauta para uma página online onde constarão as informações históricas e de serviço, como horário de funcionamento, por exemplo, dos pontos de visitação da cidade.

Também está previsto que cada totem tenha um mapa mostrando onde o turista está, e os pontos turísticos mais próximos, com orientações sobre a melhor forma de acesso ao destino, de forma que o trajeto seja a pé, curtindo o visual da cidade. Já na página virtual também haverá agenda de eventos, mapa da cidade, dicas de lazer e história local, entre outros atrativos, tornando o passeio mais fácil e interativo.