Assine Já
quarta, 19 de fevereiro de 2020
Região dos Lagos
30ºmax
22ºmin
Apartamento
bebê

Mulher que abandonou filho recém-nascido é presa

Ela teria cometido o ato após ouvir uma voz

31 agosto 2014 - 15h24

Policiais militares do 25º BPM prenderam neste domingo (31/08) Gisele da Silva Santos, de 33 anos. Ela é acusada de abandonar, há sete dias, o filho recém-nascido em uma rua, no bairro São Cristóvão, em Cabo Frio.  Gisele foi encontrada na casa dos pais, no bairro Porto do Carro, na mesma cidade.

Gisele confessou aos PMS que a detiveram que abandonou o filho porque ouvia uma voz dizendo para fazê-lo. A mãe do bebê diz que é solteira e que está desempregada. Segundo ela, o pai da criança seria um policial do 12º BPM (Niterói).

A polícia estava à procura de Gisele desde quando o menino foi encontrado. Na última sexta-feira, policiais militares estiveram na casa da acusada, mas não a encontraram. Aos pais, que moram no mesmo endereço, Gisele contou que o filho havia morrido e o corpo enterrado num cemitério em Niterói. De acordo com a PM, a avó do bebê teria reconhecido o neto por foto.

Hoje, o sargento Santana e o soldado Calmon retornaram à casa da acusada e a encontraram. Gisele foi detida e levada para a Delegacia de Atendimento a Mulher (Deam), em Cabo Frio. Gisele foi atuada por abandono de incapaz e depois liberada. Ela responderá pelo crime em liberdade.

Relembre o caso

Na noite do último domingo (24/08), a merendeira Vaneide dos Santos encontrou o bebê de aproximadamente um mês de vida em frente a uma garagem na Rua Visconde do Rio Branco, próximo a Praça Alfredo Castro, no bairro São Cristóvão. Ela contou à polícia  que a criança estava quieta no chão, enrolado em um cobertor, mas que começou a chorar quando foi levado ao colo.

Uma equipe da Polícia Militar levou o menino para o Hospital da Mulher. De acordo com a unidade médica, o estado de saúde do menino é bom. Ele mede 53 centímetros e pesa 4,5 quilos. O caso está sendo avaliado pelo Conselho Tutelar de Cabo Frio.