Assine Já
segunda, 08 de março de 2021
Região dos Lagos
26ºmax
21ºmin
Tropical
Tropical mobile
TEMPO REAL Confirmados: 27363 Óbitos: 943
Confirmados Óbitos
Araruama 6957 183
Armação dos Búzios 3264 33
Arraial do Cabo 883 38
Cabo Frio 7568 362
Iguaba Grande 2584 58
São Pedro da Aldeia 3610 130
Saquarema 2497 139
Últimas notícias sobre a COVID-19
CORONAVÍRUS

São Pedro da Aldeia e Iguaba Grande determinam uso de máscaras para população

No município aldeense, decreto tem efeito imediato e em Iguaba, obrigatoriedade começa na segunda (27)

24 abril 2020 - 19h50Por Redação

A exemplo do que já ocorreu em municípios vizinhos, as prefeituras de São Pedro da Aldeia e de Iguaba Grande decidiram pelo uso obrigatório de máscaras pela população como forma de se proteger contra o novo coronavírus. A medida foi anunciada pelos dois municípios no começo da noite desta sexta-feira (24). 

Em São Pedro, a determinação entra em vigor imediatamente. De acordo com decreto assinado pelo prefeito Claudio Chumbinho (MDB), todo cidadão que tenha que deixar sua residência, independente do motivo, deve utilizar a máscara. A obrigatoriedade permanecerá enquanto durar o Estado de Emergência declarado em razão da pandemia.

 “Queremos conscientizar a população sobre o quanto é importante o uso dessas máscaras. Precisamos da colaboração de todos os aldeenses para que protejam a si mesmos e aos outros”, pediu Chumbinho.

Em Iguaba Grande, a medida entra em vigor a partir desta segunda-feira (27). A medida foi determinada através de decreto assinado pelo prefeito Vantoil Martins (Cidadania). O documento prorroga até o dia 10 de maio as medidas de isolamento social bem como a suspensão das aulas.

Pelo documento, até domingo (26) o uso de máscara é apenas uma recomendação para pessoas que precisem sair às ruas. Mas a partir de segunda-feira será uma obrigação com punições previstas em lei. O comércio que tiver autorização para funcionar terá que equipar de máscara todos os seus funcionários, e só poderá permitir a entrada de clientes que também estejam de máscara. A medida vale também para bancos e casas lotéricas. No caso de descumprimento, o decreto prevê cassação do alvará e multa, entre outras medidas.

Para reforçar a obrigatoriedade do uso de máscara, a Prefeitura de Iguaba Grande enviou para a Câmara Municipal de Vereadores um Projeto de Lei que “cria o cargo de costureira em necessidade temporária de excepcional interesse público”, para que profissionais sejam contratadas para confeccionar máscaras que serão distribuídas à população. O PL entrou em votação na sessão desta quarta-feira (22) e foi aprovado em sessão extraordinária. A estimativa do prefeito Vantoil Martins é de que sejam produzidas 20 mil máscaras o quanto antes.

Antes dois municípios, na região, Araruama, Búzios, Cabo Frio e Arraial do Cabo já haviam determinado o uso de máscaras em espaços públicos e estabelecimentos comerciais. 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.