Assine Já
sábado, 25 de setembro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
17ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 51256 Óbitos: 2089
Confirmados Óbitos
Araruama 12211 437
Armação dos Búzios 6305 64
Arraial do Cabo 1689 90
Cabo Frio 14244 839
Iguaba Grande 5384 138
São Pedro da Aldeia 6892 286
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
A PASSOS LENTOS

Ranking da Vacinação: São Pedro da Aldeia é o município mais atrasado da região

Feriadão e escassez de doses reduziram ritmo da imunização na primeira quinzena de setembro em todas as cidades

14 setembro 2021 - 15h00Por Rodrigo Branco

O perfil das pessoas na fila de espera nos postos de vacinação contra Covid-19 da região mudou nas últimas semanas. Em praticamente todos os municípios, a campanha de vacinação mira a faixa etária dos adolescentes, com exceção de São Pedro da Aldeia, que até o fechamento desta reportagem, ainda aplica a primeira dose em pessoas com idade a partir de 21 anos.

No entanto, na primeira quinzena de setembro, o feriadão da Independência e a escassez de novas doses reduziram o ritmo da vacinação do público mais jovem. Em Cabo Frio, por exemplo, na última semana, a imunização foi destinada apenas para a aplicação da segunda dose e para repescagem a quem perdeu a data. Nesta semana, o município se dedica a aplicar apenas a segunda dose em quem já está na época de recebê-la.

Por sua vez, em Arraial do Cabo, neste momento, a vacinação está dedicada à repescagem para grupos de idosos, pessoas com deficiência permanente, gestantes, puéperas e lactantes a partir de 15 anos. A Secretaria de Saúde também promove a repescagem no Centro.

O município de Araruama foi retomada na sexta-feira (10) a vacinação de jovens de 14 anos, após  a campanha ter sido suspensa por falta de doses da vacina da Pfizer, que é a indicada para esta faixa etária. Nesta semana, recebem o imunizante os adolescentes de 13 anos. 

Na vizinha Iguaba Grande, a campanha está voltada para gestantes e puérperas com idade a partir de 15 anos. O município também aplica a segunda dose nas pessoas que estão na época de recebê-la.

Búzios e São Pedro da Aldeia ainda não finalizaram primeira dose em adultos

Na Região dos Lagos, Búzios e São Pedro da Aldeia são os municípios com o calendário de vacinação mais atrasado. Em nenhuma das duas cidades, foi finalizada a aplicação da primeira dose em adultos. No balneário, a vacinação está sendo feita em pessoas com 18 anos ou mais.

Já o município aldeense ainda aplica o imunizante em pessoas com idade entre 19 e 20 anos. Para tentar acelerar a vacinação, a Secretaria de Saúde promoveu um mutirão no bairro São João, que contabiliza o maior número de casos de Covid-19 no município.

Em nota, a Prefeitura de São Pedro da Aldeia informou que a Secretaria de Saúde de São Pedro da Aldeia aderiu ao calendário único estadual, por esse motivo não considera que há atraso na campanha de imunização contra a Covid-19 na cidade.  Pelo plano estadual, a idade agora seria 25 anos ou mais, sendo que na próxima semana o município aldeense vai vacinar os cidadãos de 19 anos.

Além disso, o público-alvo para vacinação na cidade é cumulativo, ou seja, todos os grupos inseridos desde o início do processo continuam podendo se vacinar a qualquer tempo, inclusive para os aptos a tomar a segunda dose (D2). Em nosso município não são realizados rodízios ou repescagens de grupos atendidos.  Vale ressaltar que desde o início da vacinação,  nunca houve paralisação do serviço.

A pasta lembra ainda que a continuação da campanha na cidade depende do recebimento de novos lotes de doses e das determinações da Nota Técnica da Secretaria Estadual de Saúde.

Nossa cidade, em percentual absoluto, vacinou 61% da população com D1 ou DU. E se for levado em conta o público-alvo de maiores de 18 anos, a média passa dos 80%. Observamos ainda que os vacinômetros de cidades vizinhas mostram índices parecidos e até abaixo, comprovando que não existem atrasos em São Pedro da Aldeia.

(*) Matéria atualizada em relação ao conteúdo da edição impressa.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.