Assine Já
domingo, 17 de outubro de 2021
Região dos Lagos
23ºmax
19ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 52181 Óbitos: 2123
Confirmados Óbitos
Araruama 12321 438
Armação dos Búzios 6500 72
Arraial do Cabo 1720 92
Cabo Frio 14677 858
Iguaba Grande 5464 140
São Pedro da Aldeia 6968 288
Saquarema 4531 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
VACINAÇÃO AVANÇA

Pessoas com comorbidades de 35 a 39 anos serão vacinadas contra a Covid nesta sexta (4) em Cabo Frio

Município espera concluir a vacinação de pessoas com comorbidades na próxima semana

03 junho 2021 - 14h30Por Redação

Além do início da vacinação contra a Covid-19 para profissionais da educação de Cabo Frio que moram na cidade, a sexta-feira (4) também será dia de aplicar a primeira dose da vacina nas pessoas com comorbidades com idade entre 35 e 39 anos.

Como acontece com os demais grupos, a imunização acontece de forma escalonada devido ao envio de vacinas pelo Estado, que permanece de forma gradativa, não abrangendo todas as idades deste público-alvo.

A princípio a vacinação desta sexta-feira seria somente para pessoas com comorbidade com 39 anos. Mas a Secretaria de Saúde decidiu, na manhã desta quinta-feira (3), ampliar a faixa etária atendendo também quem tem 35, 36, 37 e 38 anos. A imunização será nas unidades de saúde específicas para Covid-19, das 9 às 16h.

Quem tem comorbidade deve comprovar a condição de saúde por meio de documentação. No ato da vacinação, o cidadão precisa levar a cópia de atestados, laudos, prescrições, relatórios médicos e/ou exames complementares. Também é preciso levar documento oficial com foto, CPF ou Cartão Nacional do SUS e comprovante de residência com endereço de Cabo Frio.

COMORBIDADES DEFINIDAS PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE

As comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde para prioridade na vacinação são: doenças cardiovasculares, incluindo insuficiência cardíaca, hipertensão pulmonar, cardiopatia hipertensão pulmonar, cardiopatia hipertensiva, síndrome coronariana, valvopatia, miocardiopatia e pericardiopatia, doença da aorta, doença dos grandes vasos e fístulas asteriovenosas, arritmia cardíaca, cardiopatias congênitas, próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; diabetes, pneumopatias crônicas graves, hipertensão arterial resistente, hipertensão arterial estágio 3, hipertensão estágios 1 e 2 com lesão e órgão alvo, doença cerebrovascular, doença renal crônica, imunossuprimidos, anemia falciforme, obesidade mórbida, cirrose hepática e HIV.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.