Assine Já
domingo, 28 de novembro de 2021
Região dos Lagos
28ºmax
20ºmin
TEMPO REAL Confirmados: 53491 Óbitos: 2186
Confirmados Óbitos
Araruama 12497 447
Armação dos Búzios 6580 73
Arraial do Cabo 1754 93
Cabo Frio 15408 901
Iguaba Grande 5564 147
São Pedro da Aldeia 7047 290
Saquarema 4641 235
Últimas notícias sobre a COVID-19
SUSPEITOS E CONFIRMADOS

Estabelecimentos médicos terão que notificar casos de coronavírus em até 48 horas

Alerj aprovou ainda que internações de pacientes deverão ser notificadas em até 72 horas

14 maio 2020 - 18h04Por Redação

Os estabelecimentos que realizam testes de coronavírus, sejam laboratoriais ou testes rápidos, poderão ser obrigados a notificar, em até 48 horas, à Secretaria de Estado de Saúde (SES) sobre os casos suspeitos e confirmados. A determinação é do projeto de lei 2.536/2020 que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta quarta-feira (13/05), em discussão única. O texto seguirá para o governador Wilson Witzel (PSC), que tem até 15 dias úteis para sancioná-lo ou vetá-lo.

Já as unidades de saúde públicas ou privadas terão um prazo de 72 horas para informar à SES sobre as internações decorrentes de casos suspeitos da Covid-19. As notificações compulsórias deverão ter as seguintes informações: nome completo, CPF e identidade do paciente; endereço completo com bairro e cidade de residência; telefone para contato e e-mail ou qualquer outro meio eletrônico.

Segundo o texto, a SES disponibilizará plataforma on-line para preenchimento dos dados. O Poder Executivo regulamentará a norma através de decretos. A medida valerá até o fim do plano de contingência adotado pelo Governo do Estado devido ao coronavírus.

“Muito se discute sobre as medidas eficazes ao controle e combate à pandemia. Indiscutível entre os especialistas a necessidade da testagem em massa e complementarmente o acesso das autoridades aos resultados dos exames, até como forma de análise sobre o momento de flexibilização das medidas de isolamento social”, declarou o parlamentar André Ceciliano (PT), autor original da proposta.

Também assinam as propostas como coautores os seguintes deputados: Gustavo Schmidt (PSL); Vandro Família (SDD); Waldeck Carneiro (PT); Lucinha (PSDB); Brazão (PL); Dr. Deodalto (DEM); Luiz Paulo (PSDB); Mônica Francisco (PSol); Dionísio Lins (PP); Renata Souza (PSol); Subtenente Bernardo (PROS); Eliomar Coelho (PSol); Bebeto (Pode); Zeidan (PT); Renan Ferreirinha (PSB); Martha Rocha (PDT); Enfermeira Rejane (PCdoB); Flávio Serafini (PSol); Alexandre Knoploch (PSL); Sérgio Fernandes (PDT); Coronel Salema (PSL); Valdecy da Saúde (PHS); Val Ceasa (Patriota); Capitão Paulo Teixeira (REP); Jorge Felippe Neto (PSD); Marcelo do Seu Dino (PSL); Welberth Rezende (Cidadania); Danniel Librelon (REP); Renato Cozzolino (PRP) e Márcio Canella (MDB).

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.