Assine Já
segunda, 18 de janeiro de 2021
Região dos Lagos
30ºmax
21ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
TEMPO REAL Confirmados: 21341 Óbitos: 711
Confirmados Óbitos
Araruama 5363 160
Armação dos Búzios 2875 30
Arraial do Cabo 651 33
Cabo Frio 5750 231
Iguaba Grande 1988 50
São Pedro da Aldeia 3048 106
Saquarema 1666 101
Últimas notícias sobre a COVID-19
Cabo Frio

Morte de traficante provoca toque de recolher no Manoel Corrêa

Rodrigo Rangel Júnior, o ‘DG’, foi morto em troca de tiros com a polícia na madrugada de ontem

08 outubro 2019 - 19h43
Morte de traficante provoca toque de recolher no Manoel Corrêa

Os moradores do Manoel Corrêa viveram ontem dia tenso marcado pelo toque de recolher imposto pelo crime. O motivo foi a morte de Rodrigo Rangel Júnior, conhecido como ‘DG’ ou ‘Colombiano’, apontado pela polícia como um dos chefes do tráfico de drogas na Favela do Lixo, que fica no bairro.
O comércio local teve que baixar as portas e deixar de funcionar em luto forçado pela morte do suspeito. Por causa da insegurança na região, a Auto Viação Salineira informou que os ônibus da linha 311 (Célula Mater) pararam de circular dentro do bairro. Os coletivos seguiram pela Avenida Adolfo Beranger Junior, nos sentidos ida e volta.

A Secretaria de Educação de Cabo Frio informou que as escolas municipais Elenita Ferreira dos Santos Abreu, Marília de Teles Moreno, Themira Palmer e Manoel Mendes de Souza tiveram as aulas suspensas na parte da tarde. Os Centros de Referência de Assistência Social (CRAs) e as Unidades de Saúde dos bairros Manoel Corrêa e Jardim Náutilus também ficaram fechados.

Na madrugada de ontem, ‘DG’ vinha de Arraial do Cabo com um comparsa em um Jeep Renegade com a placa clonada, quando foi avistado por uma viatura da Polícia Militar. O veículo não atendeu à ordem de parada dos policiais militares e passaram direto. Houve uma perseguição e o veículo dos criminosos entrou dentro da comunidade.

Houve troca de tiros e o motorista do veículo conseguiu escapar, mas ‘DG’ foi atingido por disparos. Ele chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Central de Emergência (HCE), mas não resistiu aos ferimentos.

Dentro do veículo, havia 2.691 pequenos tabletes de maconha em dois sacos grandes pretos, já prontos para a comercialização, totalizando 15 Kg da droga. De acordo com a PM, a carga estava estimada em R$ 55 mil. Contra ‘DG’ havia um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas.  
De acordo com o comando do 25º Batalhão da Polícia Militar, o policiamento está reforçado no local.

 

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Assine Já*Com a assinatura, você também tem acesso à área restrita no site.