Assine Já
terça, 22 de junho de 2021
Região dos Lagos
22ºmax
16ºmin
Alerj2
Alerj3
TEMPO REAL Confirmados: 43349 Óbitos: 1676
Confirmados Óbitos
Araruama 10701 336
Armação dos Búzios 5211 57
Arraial do Cabo 1501 83
Cabo Frio 11551 622
Iguaba Grande 4461 107
São Pedro da Aldeia 5895 260
Saquarema 4029 211
Últimas notícias sobre a COVID-19
bombeiros

Bombeiros terão reforço durante alta temporada

Cabo Frio receberá 15 homens para o verão

24 novembro 2016 - 05h39Por Texto e foto: Gabriel Tinoco
Bombeiros terão reforço durante alta temporada

Mesmo no cenário de crise eco­nômica que o Governo do Esta­do do Rio de Janeiro atravessa, os bombeiros de Cabo Frio esperam reforço para a alta temporada. Pelo menos é o que garante o comandan­te do 18º Grupamento Bombeiro Militar, o tenente-coronel Cássio Capelli, que terá mais equipamen­tos e agentes para enfrentar o verão, época em que a cidade fica mais lo­tada por causa da vinda de turistas.

O comandante já recebeu qua­tro bombeiros a mais em outubro e aguarda um reforço de mais 15 homens para dezembro. Uma das grandes novidades é a chegada do motorhome (veículo adaptado para habitação), cedido pelo Comando Geral. O motorhome deverá ficar em Unamar, no Segundo Distrito.

O comandante Cássio Capelli ressaltou o apoio dado pelo Coman­do Geral e a necessidade de aumen­to no efetivo.

– O comando da Corporação sabe a quantidade de socorros que Cabo Frio tem nessa época do ano. Só neste ano, foram quase 5 mil salvamentos marítimos realizados. Eles mandaram equipamentos para nos apoiar. Esse motorhome ficará em Cabo Frio. Dá para o bombei­ro ficar aqui: tem ar condicionado, frigobar, gerador, banheiro. Vai fi­car em Cabo Frio para nos atender – comenta o comandante.

O 18º Grupamento Bombeiro Militar (Cabo Frio) fez uma pre­paração para a alta temporada. Os bombeiros fizeram a simulação de resgate numa embarcação com in­cêndio na Praia do Forte, na manhã de ontem. A ação, que durou alguns minutos, foi supervisionada pelo comandante da corporação. A ope­ração contou com jet ski, lancha, ambulância, maca e diversos equi­pamentos.

– Estamos lidando com a natureza. O mar hoje (ontem), por exemplo, tem vários surfistas. Está propício para eles, que têm ambiência no mar. Mas isso não significa que não esta­rá perigoso para os turistas. Temos postos na areia para isso. As praias também estarão sinalizadas – afirma.

O principal objetivo da simula­ção era mostrar à população a ope­racionalidade do Corpo de Bombei­ros em Cabo Frio.

– Temos uma aqui uma lancha de combate a incêndio, que utiliza a própria água do mar para isso. Te­mos médicos para socorrer e ambu­lâncias para levar a vítima ao HCE (Hospital Central de Emergência), que é o hospital referência daqui de Cabo Frio – diz.

A simulação despertou a curio­sidade de banhistas e pedestres que passavam pela orla. O comandante ainda fez questão de salientar que, mesmo com a simulação, os bom­beiros permaneciam em atividade.

– Estou em contato com todos. Se tiver uma ocorrência paralela à simulação, vamos socorrer as pesso­as. A prioridade é o socorro efetivo.