Assine Já
segunda, 18 de novembro de 2019
Região dos Lagos
26ºmax
18ºmin
Apartamento
AP REC BANNER
Geral

Marquinho diz que aceita derrota como resultado da ‘vontade popular’

Terceiro colocado na votação, Rafael Peçanha (PDT) exalta desempenho do grupo político no pleito suplementar

25 junho 2018 - 10h32
Marquinho diz que aceita derrota como resultado da ‘vontade popular’

O resultado de ontem na eleição suplementar de Cabo Frio significou a primeira derrota política de Marquinho Mendes (MDB) em um pleito majoritário desde 2004, quando concorreu ao cargo de prefeito da cidade pela primeira vez. Fiel ao seu estilo, Marquinho tentou não mostrar abatimento e disse que aceita o resultado como expressão da vontade popular.

– Recebo este resultado como uma vontade popular. O povo decidiu, e eu sempre aceitei a decisão soberana. Espero que o candidato vitorioso possa dar prosseguimento ao trabalho de reconstrução que eu iniciei. Ele tem a capacidade de dar continuidade, já que o nosso amor por Cabo Frio é maior do que qualquer divergência política – comentou.

Sem mandato e às voltas com pendências jurídicas, Marquinho projeta como será sua atuação pelos próximos dois anos e meio, enquanto durar o mandato de Adriano.

– Sou candidato a prefeito em 2020, e já estou trabalhando nisso 24 horas. E gostaria de dizer que meu grupo continua sendo um grupo vencedor. Agora estarei fiscalizando todos os atos do Poder Executivo como um cidadão – vislumbra.

Terceiro lugar em número de votos, mas em segundo na totalização oficial do TRE, Rafael Peçanha (PDT) comentou em entrevista ao jornalista Sidnei Marinho, da Rede Litoral News, que ficou contente com o trabalho de seu grupo e disse que irá se manter atuante no trabalho como vereador.

– Fiquei muito feliz com o desempenho do nosso grupo. Fico feliz com o resultado, foi uma eleição que teve muitos ataques, mas nós procuramos fazer uma campanha limpa e reta. Desejo ao candidato vencedor que busque resolver os grandes problemas da cidade. Há um desejo muito grande do povo de Cabo Frio de sair do marasmo em que se encontra. Meu desejo é que você (Adriano) possa ajudar a resolver esse problema, e eu manterei o meu posicionamento, ajudando o poder executivo a criar boas políticas públicas. Agora o importante é que Cabo Frio siga o seu caminho e eu quero participar desse processo. Me coloco a disposição com o meu trabalho na Câmara, mantendo os meus posicionamentos – disse Rafael Peçanha (PDT) para o prefeito eleito Adriano Moreno (REDE), que dava entrevista na cobertura ao vivo de Sidnei Marinho.