Assine Já
sexta, 22 de novembro de 2019
Região dos Lagos
28ºmax
19ºmin
Apartamento
AP REC BANNER
Adriano

Internautas repercutem troca de partido de Adriano

Prefeito está de saída da Rede e deve ingressar o DEM para tentar a reeleição

14 junho 2019 - 20h28Por Redação I Foto: Arquivo Folha
Internautas repercutem troca de partido de Adriano

Internautas repercutiram ontem a notícia veiculada pela Folha de que o prefeito de Cabo Frio, Adriano Moreno, está de saída da Rede Sustentabilidade e deverá ingressar no Democratas (DEM), com vistas às eleições municipais do ano que vem, quando pode tentar concorrer à reeleição. Em uma enquete feita pelo jornal no Facebook, cidadãos fizeram críticas e sugestões para o chefe do governo municipal.

A maior parte dos comentários foi a respeito das finanças do município, dos atrasos de salários dos servidores e de setores como saúde e educação. O comentário de Kaká Semyhs, por exemplo, citou também a reforma administrativa recém aprovada na Câmara a pedido do governo.

– Não paga o funcionalismo, fez uma suposta reforma administrativa pra inglês ver, demitindo ASGS (auxiliares de serviços gerais) e nomeando uma penca de comissionados. A cidade está com problemas na saúde, educação e mobilidade. Tá bom pra você ou tá achando pouco? – questionou.

Elyara Martins, por sua vez, opinou que o atraso nos salários acontece, justamente, em um momento em que a arrecadação do município melhorou.

– Mesmo tendo uma ótima arrecadação de rendas e royalties, ele está devendo salários e acordos com os servidores. Antes de se candidatar, ele falou que era prioridade o pagamento dos servidores, ele mesmo sendo concursado. Mentira de político, una pena – disse.

O internauta Roberto Furtado fez uma lista de críticas.

– No início do governo falou que só estava entrando para dar um fim ao sofrimento do servidor público e consertar a saúde do município. E o que vemos hoje? Uma saúde mais que sucateada, servidores à míngua a ponto de estourar uma greve por salários atrasados e vários acordos descumpridos e direitos salariais negados, uma cidade toda esburacada, escândalo de mortes no Hospital da Mulher e CPI do mesmo, Vários cargos comissionados ocupados por parentes e amigos de vereadores, criação de mais secretarias para amigos de vereadores... Ou seja, o prefeito incha a maquina pública de amigos e parentes de vereadores – considerou.

Carlos Oliveira, por sua vez, disse que a mudança de partido político não é o mais importante.

– Não é um partido que vai mudar o caráter da pessoa. Posou de bom moço na campanha, enganou a população, que já sofria há anos, com a falsa promessa da mudança, e praticamente com um ano de governo, só destruiu ainda mais a cidade –  opinou ele.
Em meio às críticas, João Batista deu uma sugestão simples.

– Ele apenas deveria trabalhar. Já resolvia o problema – argumentou.

Outra sugestão partiu do internauta Clebinho Santos.

– Precisa se especializar em administração pública. Até o momento faz um governo desastroso, não vejo desenvolvimento da cidade em sua gestão – disse.

O prefeito também ganhou elogio.

– Meu voto e dele, até porque não deu tempo de fazer muita coisa na cidade sucateada pelo Alair e Marquinho – defendeu Jeferson ‘Sukinha’.  
A Folha entrou em contato com a assessoria da Prefeitura para repassar as reclamações e pedir uma posição do prefeito, mas não teve resposta.