Assine Já
segunda, 13 de julho de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
Coluna

Feliz Natal (?)

20 dezembro 2019 - 19h45

A festividade do Natal, apesar da origem cristã, tornou-se uma celebração popular, que abrange diferentes credos e até aqueles e aquelas que não pertencem a fileiras religiosas. Em que pese a comercialização da data, o Natal reacende esperanças e expectativas de reuniões familiares e sentimentos de comoção social.
Obviamente, o problema é e sempre será a fugacidade da relação entre datas e sentimentos, como as obrigações de celebrar, conforme estudou o antropólogo Marcel Mauss. Assim, não defendo a negação dos sentimentos anexos à data, mas sim sua perpetuação ao longo de todos os dias - que todo dia seja dia de Natal. 
Isso ajudaria nossos governantes a olhar com mais compaixão o povo sofrido da nossa cidade, priorizando políticas públicas de justiça social para pobres e trabalhadores. Isso ajudaria nossa população a escolher com mais consciência seus mandatários, pressionar e fiscalizar suas atuações. Isso ajudaria o dinheiro público a ser melhor gasto e a superação de diferenças em favor da união ocasionar a transformação real da nossa terra.
Eu sempre fui entendido como um realista, mas me considero um otimista pé no chão. Acho que, na noite desta terça-feira, se cada um de nós escolher se concentrar menos nas propagandas e especiais passageiros e escolher uma meta, apenas, de luta pela nossa cidade, para praticar todos os dias, teremos mais chance de entender que o presépio e a estrebaria precisam ser a busca e a meta dos Reis, e não o contrário. 
Vamos transformar toda dor e injustiça que nos cerca; a revolta justa de tantos trabalhadores à míngua enquanto poucos se fartam; e o choro do enfermo sem amparo, em força para lutar contra todo esse mal, construindo a virada necessária que precisamos. Para mim, isso é Natal, e é isso que eu desejo a você e a mim, hoje e sempre.

(*) Rafael Peçanha é vereador em Cabo Frio.