Assine Já
segunda, 13 de julho de 2020
Região dos Lagos
28ºmax
16ºmin
Mercado Tropical
Mercado Tropical Mobile
Coluna

Protagonistas do Caos e da Crise

11 junho 2020 - 16h37

Entra ano e sai ano, principalmente os anos eleitorais, e o discurso é sempre o mesmo, bem como os problemas de Cabo Frio, tal como os protagonistas dos problemas. 

Atraso no pagamento dos servidores, direitos cerceados, buracos nas ruas da cidade, educação em greve ou em mau funcionamento, a doente saúde municipal, a já conhecida folha inchada de pagamento - no caso atual, abarrotada - e a batida ( já esfarrapada ) desculpa da ‘crise’, agora com a novidade, ruim infelizmente, da Pandemia da Covid-19, são corriqueiras, conhecidos por todos, elencados em inúmeros discursos politiqueiros, mas até o momento, não resolvidos ou sanados, perdurando por anos, atrapalhando o desenvolvimento da cidade e a melhoria de vida dos cabo-frienses. 

Do discurso para a prática, pouco ou nada se fez para resolver tais problemas que eles mesmos criaram. 

Hoje, vemos novamente alguns ‘bons moços’, surgirem - ou ressurgirem - como salvadores da pátria amada Cabo Frio, repetindo o velho mantra de que se tem dinheiro, mas falta gestão - mesmo mantra entoado nas últimas eleições, inclusive pelo atual mandatário, mas que ao chegar na cadeira, rapidamente muda-se o tom, e as afirmações. 

Os ‘salvadores’ contam com a amnésia do povo, mas desconhecem que o povo está curado de tais esquecimentos. 

Eles não citam, por exemplo, que fizeram parte, ou fazem, do Poder Público - seja como Vereadores, seja como Prefeito ou Vice -, estiveram a frente da Prefeitura Municipal ou da Câmara de Vereadores de Cabo Frio, e que se a cidade acumula anos de atraso, abandono, problemas, ineficiência, desemprego, miséria e caos, e está mergulhada num lamaçal sem precedentes, são também responsáveis por isso, protagonistas, cúmplices ou omissos. 

Vir agora e falar em resolver problemas, que não são  novos, nem desconhecidos - e que nunca conseguiram resolver - é uma afronta a inteligência do eleitor e cidadão do município e um deboche na cara do sofrido povo cabo-friense. 

Falam da ‘crise’ e das dificuldades do município, como se não soubessem e o pior, não fizessem parte disso, e ainda, não tivessem parte nisso. 
Onde estavam os nobres políticos postulantes ao cargo de Prefeito de Cabo Frio até hoje?

O que fizeram esses Candidatos pelo município e qual legado deixam na cidade? 

Se possuem todas as soluções para os velhos problemas de Cabo Frio, por que não os resolveram antes e deixaram chegar ao estado de colapso atual? 
Como salvar uma cidade, destruída por eles mesmos? 

Os protagonistas do caos e da crise vivem disso - e vivem bem, com muito dinheiro, empresas e contratos nos Governos -, já o povo, esse sobrevive das migalhas, ou pela indignação de hoje, sobrevivia.