Cabofriense sonha com vaga na série D

Próximo desafio da equipe é o Fluminense

Publicado em 13/03/2018 às 10:55

ALEXANDRE FILHO

A Cabofriense embalou de vez no Campeonato Carioca. Com a vitória sobre a Portuguesa por 2 a 1, no último domingo, o clube vê o sonho das semifinais do returno ainda mais perto. E agora também joga por outro objetivo: uma vaga na quarta divisão do Brasileiro em 2019.

O técnico Antônio Carlos Roy considera que os números já colocam o time entre os destaques da competição e entre os melhores no grupo dos ditos clubes pequenos, juntamente com Boavista e Portuguesa.

– Ir para a última rodada com totais condições de uma semifinal mostra que fizemos um turno bom, e um campeonato bom também. Pode ser surpreendente para os outros, mas não para nós.

Para conseguir a sonhada vaga para as semis da Taça Rio, a Cabofriense tem alguns cenários possíveis. Em caso de vitória, torce por no máximo um empate de ambos ou de pelo menos um dos seus adversários diretos. Em caso de empate diante do Fluminense, não poderá ultrapassar o Vasco e terá que torcer por uma derrota do Flamengo diante da Portuguesa.

Porém, comissão técnica e jogadores não estão pensando apenas nas semifinais da Taça Rio. Com a boa campanha na classificação geral, ocupando a sétima colocação, o Tricolor Praiano ainda disputa com Boavista, Portuguesa e Bangu duas vagas para a Série D de 2019, que pode vir até mesmo se a equipe não se classificar para as semifinais.

– A gente esta pensando, sim, nessa outra vaga. Se ganharmos o jogo, de repente, mesmo sem classificar para as semifinais, existe a possibilidade de classificar para a Série D. Então, se fizermos o nosso papel, se vencermos, a possibilidade é grande – analisou.

A equipe está tentando junto à FERJ levar o jogo contra o Fluminense, inicialmente marcado para o Moacyrzão, em Macaé, para o estádio Elcyr Resende, em Bacaxá, onde o time de Cabo Frio já está acostumado a jogar e inclusive já derrotou o Vasco da Gama este ano.

– É importante, até por ser mais perto de Cabo Frio, e por isso nossa torcida pode comparecer. Tomara que consigamos mudar esse jogo para lá – afirma Roy.

Veja também

Compartilhe:  

COMENTÁRIOS

EXPEDIENTE

Rodrigo Cabral

Diretor

Fernanda Carriço

Chefe de Reportagem

fernanda.carrico@folhadoslagos.com

Redação, Administração, Publicidade e Assinatura

Avenida Francisco Mendes 226, loja 06, Centro - Cabo Frio - RJ

Propriedade da Sophia Editora Eireli - ME.

CONTATO

Redação

folhadoslagos@ig.com.br redacao@folhadoslagos.com
(22) 2644-4698 - Ramal 206
(22) 9971-7556

Publicidade

(22) 2644-4698 - Ramal 215
(22) 9971-7841

Central do Assinante

(22) 2644-4698
(22) 9971-7841